LAC-2021-1: Modificar o ponto 2.3.2.19 e 4.3 - Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível

Informação geral

Español
20/01/2021
Ratificada
86 %.

Sergio Rojas - Versão [1]
Discussão inicial
25/01/2021 - 11/05/2021
Primeiro consenso
11/05/2021 - 25/05/2021
Últimos Comentários
25/05/2021 - 22/06/2021
Segundo consenso
22/06/2021 - 29/06/2021
Ratificação da diretoria
23/06/2021
Ratificada
20/07/2021

Notas Públicas da equipe de LACNIC para esta versão

Interpretação da proposta pela equipe do LACNIC

Aplicação da proposta
Esta proposta modifica o Manual de Políticas nas seções 2.3.2.19 e 4.3, e cria uma nova seção 3.4.

Modificação do texto atual
A política sobre a inclusão do ASN originador no WHOIS está atualmente em duas seções do manual:
- 2.3.2.19: Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível.
- 4.3: Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível.

Nas duas seções diz:

LACNIC deverá incluir na informação do WHOIS, o ASN originador de todos os prefixos que tenham sido designados diretamente por LACNIC sempre que esta informação estiver disponível.
O ASN originador do bloco em custódia poderá ser ingressado através do sistema de administração dos recursos de LACNIC. Os membros terão a responsabilidade de prover essa informação.
Nas situações em que as informações do ASN originador de um bloco não estiverem especificadas, a resposta do WHOIS deverá indicar esse fato.
Propõe-se remover esses dois pontos e criar um novo com este texto:
3.4. Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível
LACNIC deverá incluir nas informações do WHOIS, o ASN originador dos prefixos consultados, sempre que essas informações estiverem disponíveis.
O ASN originador do bloco em custódia poderá ser tomado do repositório do RPKI, tomando como valor o ASN de origem do ROA.
Nas situações em que as informações do ASN originador de um bloco não estiverem especificadas, a resposta do WHOIS deverá indicar esse fato.
Comentários da equipe:
(Os comentários são observações para ajudar a diferenciar as alterações apresentadas pela proposta em relação ao texto atual do Manual de Políticas)

Caso esta proposta seja aprovada, sugere-se fazer um ajuste editorial no título proposto para esclarecer que “originador” se refere a “originador dos blocos consultados”.

Recomendações
--------------------------

Fontes oficiais de referências
----------------------------------------------
Outros RIR: A semelhança da implementação desta política com respeito ao que acontece em outros RIR não é relevante para a discussão.
--------------------------------------------


Resumo

Esta proposta de política visa unificar as informações mostradas no WHOIS relativas ao ASN de origem, evitando assim confundir a comunidade na hora de interpretar os dados aí apresentados.

Justificativa

Devido à implementação desta política, a plataforma MiLacnic oferece ao associado uma seção em que possa definir o ASN de origem de uma faixa de endereços IP designados diretamente pelo LACNIC.

Esta seção é puramente descritiva e é responsabilidade do associado mantê-lo atualizado quando houver alteração no anúncio de suas rotas. Se foi feita uma atualização dos ROA, mas esta seção não foi atualizada, isso só vai gerar confusão, já que no WHOIS será mostrado um ASN de origem diferente daquele que aparece no ROA.

Outro ponto contra é que o ASN de origem só pode ser definido para o bloco pai (principal), ou seja, o bloco designado diretamente pelo LACNIC, não permitindo o registro de ASN de origem quando o bloco for anunciado por mais de um ASN.

Sendo o RPKI bastante popular hoje em dia, e graças à implementação do IRR baseado no repositório do RPKI, considero esta seção desatualizada, confusa e impraticável para os associados terem que atualizar e manter duas seções para o mesmo propósito, então minha sugestão com esta nova proposta é modificar esta seção.

Texto Atual

2.3.2.19. Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível.

LACNIC deverá incluir na informação do WHOIS, o ASN originador de todos os prefixos que tenham sido designados diretamente por LACNIC sempre que esta informação estiver disponível.

O ASN originador do bloco em custódia poderá ser ingressado através do sistema de administração dos recursos de LACNIC. Os membros terão a responsabilidade de prover essa informação.

Nas situações em que a informação de ASN originador de um bloco não estiver especificada, a resposta do WHOIS deverá indicar esse fato.

Texto Novo
Veja Diff

3.4. Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível.

LACNIC deverá incluir nas informações do WHOIS, o ASN originador dos prefixos consultados, sempre que essas informações estiverem disponíveis.

O ASN originador do bloco em custódia poderá ser tomado do repositório do RPKI, tomando como valor o ASN de origem do ROA.

Nas situações em que as informações do ASN originador de um bloco não estiverem especificadas, a resposta do WHOIS deverá indicar esse fato.

Informações Adicionais

A política atual está disponível em duas seções do manual de políticas:
- 2.3.2.19. Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível.
- 4.3. Inclusão do ASN originador no WHOIS quando estiver disponível.

A fim de evitar confusões e possíveis contradições perante modificações futuras do manual, sugiro unificá-las em uma única seção e passá-lo para o ponto 3.4; seção dedicada aos ASN.

Tempo de Implementação

-

Referências

-