Os recursos são designados de forma única e exclusiva

Idioma Original Español Data Publicação 23/04/2019 Última Modificação 27/09/2019
Período de últimos comentários Não aplicável Data de ratificação Não aplicável Data de implementação Não aplicável
Estado Em discussão Baixar TXT PDF XML DOCX
Ver outras versões 1.0 2.0 (comparar)

Autores

Nome: Jordi Palet Martinez
E-mail: jordi.palet@theipv6company.com
Organização: The IPv6 Company

Nome: Carlos Friacas
E-mail: cfriacas@fccn.pt
Organização: FCT | FCCN

Nome: Fernando Frediani
E-mail: fhfrediani@gmail.com
Organização: -

Dados da Proposta

Tipo Política: LACNIC
Id: LAC-2019-6
Última versão: 2
Apresentada em: LACNIC 32 Apresentações:

Resumo

O objetivo desta proposta é tornar explícito que a designação de recursos é feita de forma exclusiva, conforme indicado em várias seções do manual de políticas, igualmente para todos os recursos, e não apenas para o IPv4.

Justificativa

É importante que exista clareza de que os recursos são designados sob as mesmas condições para o IPv4 e para o IPv6 e que qualquer possível usuário do manual de políticas saiba que isso aplica igualmente para todos os recursos, o que atualmente não é o caso.

Texto

Texto atual:

2.2.2. - O Sistema de Registro da Internet

O sistema de registro da Internet foi estabelecido com a finalidade de fazer cumprir os objetivos de exclusividade, conservação, roteabilidade e informação”. Este sistema consiste em registros da Internet (IR) organizados hierarquicamente. Os espaços de endereços IPv4 são tipicamente designados aos usuários finais pelos ISPs ou os NIRs.

Além disso, esses espaços de endereços IPv4 são previamente alocados aos NIRs e ISPs pelos Registros Regionais da Internet.

Sob este sistema, os usuários finais são aquelas organizações que operam redes onde são usados os espaços de endereços IPv4. Tanto os NIRs quanto LACNIC mantêm espaços de endereços IPv4 para serem designados a usuários finais ou alocados a Provedores de Serviços da Internet. Os espaços de endereços IPv4 designados são usados para a operação de redes, enquanto o espaço de endereços IPv4 alocado é mantido nos Registros da Internet para designações futuras a seus usuários finais.

Texto novo:

Nota (não faz parte do texto da política):
Elimina-se a seção 2.2.2. (e o texto a seguir é renumerado) que é exclusivamente para o IPv4 e o texto proposto substitui essa seção, mas no parágrafo de definições, que é genérico para todos os recursos. Sugere-se sua colocação a seguir do ponto 1.9 (Designar), renumerando os seguintes, mas, como se trata de uma questão editorial, sua colocação exata é deixada ao critério do LACNIC.

1.x. O Sistema de Registro da Internet

O sistema de registro da Internet foi estabelecido com a finalidade de fazer cumprir os objetivos de exclusividade, conservação, roteabilidade e informação”. Este sistema consiste em registros da Internet (IR) organizados hierarquicamente. Os recursos de numeração da Internet (endereços, ASNs, outros) são tipicamente designados aos usuários finais pelos ISPs ou os NIRs.

Além disso, esses recursos são previamente alocados aos NIRs e ISPs pelos Registros Regionais da Internet.

Sob este sistema, os usuários finais são aquelas organizações que operam redes onde são usados os recursos. Tanto os NIRs quanto LACNIC mantêm recursos para serem designados a usuários finais ou alocados a Provedores de Serviços da Internet. Os recursos designados são usados para a operação de redes, enquanto os recursos alocados são mantidos nos Registros da Internet para designações futuras a seus usuários finais.

Lembre-se de que os recursos alocados ou designados por LACNIC ou pelos NIRs, são exclusivamente para uso por parte do receptor desses recursos, ou com a autorização deste, por parte de terceiros, desde que as políticas atuais permitam. Recomenda-se que essas autorizações possam ser verificadas por meio do RPKI.

Informações Adicionais

Considera-se que esta proposta deve constituir uma nova seção do manual de políticas, possivelmente antes dos apêndices, mas sua posição exata e forma de numeração, dado que são aspectos editoriais, ficam a critério do pessoal de LACNIC.

Tempo de Implementação

Imediato

Referências

Está se trabalhando nesta proposta em outros RIRs e, se for preciso, serão apresentadas propostas equivalentes em todos eles.

Notas Públicas da equipe de LACNIC

ANALISE DE IMPACTO PELA EQUIPE DE LACNIC - Proposta LAC-2019-6 - versión 2

Interpretação da proposta pela equipe de LACNIC
--------------------------------------------------

Aplicação da proposta
-----------------------
Esta proposta seria aplicada a organizações que usam recursos designados por LACNIC.

Modificação do texto atual
---------------------------

Esta proposta
- Elimina a subseção 2.2.2 e renumera as seguintes
- Coloca a seção eliminada dentro do ponto 1.9. Designar, como definições gerais. Acrescenta o seguinte texto a essa seção:

“Lembre-se de que os recursos alocados ou designados por LACNIC ou pelos NIRs, são exclusivamente para uso por parte do receptor desses recursos, ou com a autorização deste, por parte de terceiros, desde que as políticas atuais permitam. Recomenda-se que essas autorizações possam ser verificadas por meio do RPKI”.

Comentários da equipe
-----------------------
1. O texto que o Manual apresenta atualmente está na seção de Políticas para endereços IPv4:
“2.2.2. - O Sistema de Registro da Internet
O sistema de registro da Internet foi estabelecido com a finalidade de fazer cumprir os objetivos de exclusividade, conservação, roteabilidade e informação.”
2.3.2.10. - Validade das alocações de endereços IPv4
As alocações de endereços IPv4 são válidas enquanto os objetivos de exclusividade, conservação, roteabilidade e informação continuem sendo cumpridos.”
Esta proposta visa que o texto seja aplicado a todo tipo de recursos, além dos endereços IPv4.

2. A equipe de LACNIC interpreta que o termo "uso de um recurso" leva em conta:
- Um recurso publicado por BGP desde a rede receptora do recurso usando seu próprio ASN.
- Um bloco redesignado no whois de LACNIC para um cliente da organização receptora.
- Um recurso anunciado por BGP desde um ASN que pertence a outra organização existindo autorização prévia.

Impacto no sistema de registro
---------------------------------
Esta proposta não implicaria mudanças no sistema de registro.

ANALISE DE IMPACTO PELA EQUIPE DE LACNIC - Proposta LAC-2019-6 - versión 1

Interpretação da proposta pela equipe de LACNIC
-------------------------------------------------

Aplicação da proposta
-----------------------
Esta proposta seria aplicada a organizações que usam recursos designados por LACNIC.

Modificação do texto atual
---------------------------
Esta proposta acrescentaria a subseção "1.8. Exclusividade e unicidade dos recursos designados por LACNIC", à seção “1. Definições”, no Manual de Políticas. E, as subseções abaixo seriam renumeradas

Os recursos da Internet designados por LACNIC são de uso exclusivo. Os padrões não permitem usar o mesmo recurso de forma simultânea ou duplicada em diferentes redes que estejam sob controle administrativo diferente, exceto em casos explícitos como anycast.

Portanto, apenas o receptor original dos referidos recursos pode decidir, sob estrito cumprimento das políticas e da manutenção coerente das informações do registro, que tais recursos sejam usados em outras redes e /ou sob controle administrativo diferente.

Comentários da equipe
-----------------------
1. O texto que o Manual apresenta atualmente está na seção de Políticas para endereços IPv4:
“2.2.2. - O Sistema de Registro da Internet
O sistema de registro da Internet foi estabelecido com a finalidade de fazer cumprir os
objetivos de exclusividade, conservação, roteabilidade e informação.”
2.3.2.10. - Validade das alocações de endereços IPv4
As alocações de endereços IPv4 são válidas enquanto os objetivos de exclusividade,
conservação, roteabilidade e informação continuem sendo cumpridos.”

2. O uso de um bloco por uma organização para a qual esse recurso não foi designado, sem o consentimento do receptor do recurso, implicaria a violação desta política, o que resultaria na revogação do recurso. Desta forma, quem acabaria prejudicada seria a organização para a qual o recurso foi designado, quer dizer, que a organização neste caso seria a vítima.

3. LACNIC poderá garantir que os números sejam únicos em seu banco de dados, mas não poderá garantir que as organizações usem os números de modo repetido.

4. Em relação ao ponto “apenas o receptor original dos referidos recursos pode decidir, (...), que tais recursos sejam usados em outras redes e /ou sob controle administrativo diferente”. LACNIC entende que a maneira de demonstrar que o receptor original do recurso decidiu que o recurso seja usado em outras redes e/ou sob controle administrativo diferente é através do seu registro no banco de dados de LACNIC do bloco correspondente. Além disso, esclarece-se que é permitido subdesignar a um terceiro até 15 blocos /24 com autorização prévia de LACNIC (indicado na seção 2.3.2.12.1 Janela de designação).

Recomendações
-----------------
1. A equipe de LACNIC interpreta que o termo "uso de um recurso" leva em conta:
a. Um recurso publicado por BGP desde a rede receptora do recurso
b. Um bloco redesignado no whois de LACNIC para um cliente da organização receptora.

Impacto no sistema de registro
---------------------------------
Esta proposta não implicaria mudanças no sistema de registro.

Política de privacidade